domingo, 26 de maio de 2019

Em meio a escândalo de espionagem, Flávio Dino parabeniza Jefferson Portela


Secretário de Segurança do Maranhão é investigado por suposto monitoramento ilegal. Governador tem ignorado denúncias
Em postagem no Twitter no início da tarde deste sábado 25, o governador Flávio Dino (PCdoB) parabenizou o secretário estadual da Segurança Pública, Jefferson Portela, pelos serviços prestados à frente da pasta.

“Secretário Jefferson comanda o trabalho que tirou São Luís da lista das 50 cidades mais violentas do mundo e reduziu homicídios em 62%. E também coordena ações do Pacto pela Paz, como a realizada hoje na zona rural. Parabéns”, publicou.

As declarações de engrandecimento ao titular da SSP acontecem em meio ao escândalo de espionagem do estado, alvo de pelo menos já dois procedimentos investigatórios instaurados no âmbito da Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), e com iminência de entrada da Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF) no caso.

De acordo com o delegado licenciado de Polícia Civil, Ney Anderson Gaspar, Portela teria determinado, por diversas vezes, o monitoramento e escuta ilegais a desembargadores do Tribunal de Justiça do Maranhão, além de familiares e assessores dos magistrados, e ao senador Roberto Rocha (PSDB-MA). A suposta espionagem já havia sido denunciada pelo também delegado de Polícia Civil Tiago Bardal.

Portela nega as acusações, e representou criminalmente seus acusadores e profissionais de imprensa que tem acompanhado e tornado o caso público.
Sobre o escândalo, Flávio Dino segue ignorando. Em suas redes, não há qualquer publicação a respeito do assunto.

Apesar do silêncio público do governador, segundo fontes ligadas ao Palácio dos Leões ouvidas pelo ATUAL7, a publicação do comunista no Twitter é um recado para quem aposta na queda de Jefferson Portela do cargo – inclusive gente do próprio governo. “O entendimento inicial é de que ele fica.

O governador é ex-juiz federal, conhecedor do que diz a lei. Até agora, o que saiu na imprensa foram apenas declarações, acusações vazias. Não há qualquer prova material do que está sendo colocado contra o secretário”, disse um secretário ouvido sob condição de anonimato.

Por Yuri Almeida do Atual7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.