sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Estudantes perdem o controle e agridem professores

Aluna se irrita por ser repreendida e agride 
professor com faca em Teresina

Um professor foi agredido com uma faca na noite da última quinta-feira (30). O fato ocorreu dentro da sala de aula da Escola Municipal Cristina Evangelista, localizada no bairro Três Andares, zona Sul de Teresina.

A agressora foi uma aluna, que se irritou após ser repreendida pelo professor. Ela estaria colando na prova e foi impedida de continuar o teste. De acordo com uma nota enviada pela Secretaria Municipal de Educação, a estudante está modalidade EJA - Educação de Jovens e Adultos.

A Semec informou, ainda que o professor não teve ferimentos graves e passa bem, mas está bastante abalado. “Uma equipe de assistentes sociais da Semec está apoiando o docente e a equipe escolar”, diz a nota.

Foi prestado um boletim de ocorrência e uma equipe da Semec está em contato com a aluna e sua família. "A Secretaria repudia qualquer tipo de violência dentro e fora das escolas", conclui a nota.

Aluno dá soco em rosto de professor em escola 
da Zona Sul de São Paulo

Um aluno deu um soco e um chute em um professor na Escola Estadual Antônio de Alcântara Machado, na Zona Sul de São Paulo, nesta quarta-feira (29). O aluno tem 20 anos e cursa o 3º ano do Ensino Médio no Ensino de Jovens e Adultos (EJA).

Imagens da agressão viralizaram em redes sociais. O vídeo do episódio tem mais de 170 mil visualizações no Facebook. O professor aparece sentado em uma carteira, e o aluno está de pé na frente dele. Eles discutem, e o aluno dá um soco no rosto do professor, e depois um chute. Os outros alunos da classe pedem para que ele pare com as agressões.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), policiais militares que compareceram à escola no dia da agressão, na última quarta-feira (29), foram informados que o aluno bateu no professor após ficar insatisfeito com uma nota. 
Segundo a pasta, foi solicitado o exame de corpo de delito para a vítima.