terça-feira, 28 de novembro de 2017

Gastão Vieira declarar apoio a Flávio Dino e irrita família Sarney

Neste final de semana, o ex-ministro do Turismo, Gastão Vieira, acompanhou o governador Flávio Dino em agenda na cidade de Brejo e declarou apoio a continuidade do governo comunista nas eleições de 2018.
Gastão Vieira é presidente  do PROS, mais um partido a fechar aliança para a continuação de projeto de mudanças do Maranhão implementado pelo governador Flávio Dino.

A adesão de Gastão Vieira é mais um duro golpe na família Sarney, que perde um dos poucos bons quadros que possuía nos seus governos e um aliado que teve expressiva votação para o senado nas eleições em 2014, perdendo justamente para Roberto Rocha, candidato eleito graças ao esforço do governador Flávio Dino.

Durante seu pronunciamento em Brejo, Gastão Vieira cobriu Flávio Dino de elogios e enalteceu a expressiva vitória obtida em 2014.

OPOSIÇÃO
A ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) não engoliu o apoio do ex-ministro do Turismo e presidente do PROS, Gastão Vieira, ao governador Flávio Dino (PCdoB).

Em reuniões reservadas com políticos e empresários, Roseana tem sido direta ao responder sobre o embarque de Gastão ao governo comunista: “é um traidor”.

Fontes do Blog, informaram que o ex-presidente José Sarney também não gostou do posicionamento de Gastão Vieira. Aos mais próximos, Sarney tem demonstrado sua insatisfação.