quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Pessoas relatam que foram curadas da chikungunya depois de picada de escorpião

O que será que o Aedes Aegypti, o escorpião e a chikungunya têm em comum? Segundo Gorete Sales, a picada do escorpião pode curar os sintomas da doença.
A equipe da TV Jangadeiro/SBT, foi até a cidade de Independência, no Ceará, para conversar com Gorete. Ela relata que estava com chikungunya e, após ser picada por um escorpião, foi curada.

“Minhas mãos nem fechavam mais, meus dedos doíam demais, as juntas dos joelhos, os pés. Quando eu pisava não chão, parecia até espinhos, uma chikungunya muito forte”.

Após ser picada pelo escorpião, a mulher afirma que as dores começaram a diminuir. “Parece que uma pessoa pegou as dores e saiu arrancando e, de repente, eu não senti mais nada”.

E não foi só dona Gorete que foi curada da chikungunya após a picada do escorpião. Cinco pessoas foram “beneficiadas”. Seu Francisco Gonçalves conta que, quando soube das curas, passou a procurar escorpião para picar pessoas com a doença. “Algumas pessoas até me pediram o escorpião, mas não tiveram coragem de ser picadas”.

O infectologista Érico Arruda alerta para os perigos do escorpião. “Isso necessitaria passar por uma pesquisa, é – sem dúvida – um fato interessante”.