sábado, 29 de abril de 2017

Presidente Dutra: Delegado César Ferro e sua equipe prendem suspeito de assassinato do comerciante Abdon Costa

O Delegado César Ferro. titular da 13ª Delegacia Regional de Presidente Dutra e sua equipe de investigadores, após quase três meses de intensa investigação, prendeu hoje (28), por volta das cinco horas da tarde, no município de Gurupi/TO, Odailson Almeida de Sousa, principal suspeito de ser o autor do latrocínio, roubo seguido de morte do comerciante Abdon Emanuel Gomes Costa, ocorrido no dia 25 de janeiro desse ano. O Crime gerou grande repercussão na cidade, tendo em vista que a vítima era uma pessoa de bem e trabalhadora.
De acordo com o Delegado Regional César Ferro, ele e sua equipe de investigadores chegaram ao suposto assassino após vários levantamentos, inclusive com a ajuda da Inteligência. “Foi detectado que Odailson estaria vivendo no Município de Gurupi/TO e trabalhava num caminhão carregando arroz naquela região. Diante desta informação, este Regional, determinou aos Policiais Civis, Edgar e Wesley, que diligenciassem até o referido município com o escopo de localizar e prender Odailson e assim foi feito”, declarou César Ferro.
Ainda de Acordo com César Ferro, depois de dois dias de levantamentos, foi constatado que Odailson estaria usando nome falso. “Todos o conheciam como Marcos, momento em que o mesmo foi preso no Interior do Município de Gurupi/TO, localizado a 1200km de Presidente Dutra/MA”, finalizou Ferro.
Em contato com o Blog de Adonias Soares, César Ferro informou que neste momento está a caminho de Presidente Dutra trazendo o acusado Odailson Almeida que será apresentado na próxima segunda-feira durante coletiva de imprensa na 13ª DP. O delegado destacou o apoio ofertado pela Polícia Civil do Tocantins e todos os seus policiais, mas precisamente da Cidade de Gurupi/TO.

Relembre o caso
Abdon Emanuel Gomes Costa e Odaílson Almeida de Sousa eram amigos. Os dois saíram de Presidente Dutra em direção a Barra do Corda no final de janeiro desse ano. De acordo com informações, Abdon portava uma certa quantia em dinheiro e na altura do povoado Cajazera BR distante 30km da sede de Barra do Corda, não foram mais vistos. 
Abdon e Odailson estavam numa pick up, modelo estrada, cor prata, de placas KJQ 5755 encontrada posteriormente abandonada em Araguaína-TO. Depois de algumas buscas, os familiares encontraram o corpo de Abdon Costa num ponto de desova próximo à Cajazeira sem o dinheiro e sem o veículo. A partir daí começou uma busca incessante pelo principal suspeito do assassinato de Abdon. A busca terminou na tarde desta sexta-feira (28) com a prisão Odailson de Almeida.

Por Adonias Soares