domingo, 26 de fevereiro de 2017

Policial Militar mata colega de farda e é morto durante confronto com policiais do Grupo de Patrulhamento Tático

Freitas matou o sargento Almeida após discussão
Um policial militar matou seu próprio colega de farda dentro de uma distribuidora de bebidas localizada em São Luís de Montes Belos (128 km de Goiânia). De acordo com a Polícia Militar, o sargento Marcelo Almeida estava no estabelecimento acompanhado do filho, quando o acusado identificado como o sargento da reserva Valdivino Otávio de Freitas entrou no local. Segundo informações, os dois começaram a conversar e por motivos ainda desconhecidos, a conversa acabou virando uma discussão. Neste momento Valdivino sacou uma arma de fogo e atirou no rosto de seu colega que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo no local. Diante dos fatos, uma equipe do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) seguiu imediatamente para o local onde houve confronto com sargento da reserva que acabou sendo baleado e morto. Ainda segundo informações, o acusado estava afastado de suas funções em razão de problemas psicológicos. O caso será investigado pela delegacia de Polícia Civil da região.