sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Seu voto não tem preço, não venda

“Dê poder ao homem, e descobrirá quem ele realmente é”. Já dizia Maquiavel. 
Alguns feitos são sempre repetitivos quando tratamos a política.
A partir do momento em que a troca de um voto é feita perante principalmente a dinheiro, perde-se o direito de exercer a cidadania.
É colocar em risco toda uma população por contribuir para eleger um representante ilegítimo. Envolve muito mais do que a vitória de um candidato.
É a educação que seus filhos terão a segurança próxima a sua residência ou dos caminhos que você percorre.

A saúde que lhe é oferecida diante de centenas que morrem só na fila de espera, a infra-estrutura dos trajetos e obras públicas, a qualidade dos transportes públicos que hoje talvez você não utilize, mas milhares sim. Viver em sociedade é macro, é pensar coletivo, no todo. Individualismo e egoísmo não têm espaço para quem quer o melhor pra todos.
A ganância e a sede de mais ganham as telas e capas de noticiários, rios de dinheiro desviados tem destinos errados, enquanto alguém se ilude com a proposta de outrem.

A mentira se tornou rotineira e a roubalheira banal. Quem compra voto é bandido! O político rouba sua saúde, sua educação, ele rouba seu futuro e o seu emprego. 
E o pior de tudo é você quem escolhe esse “ladrão”. A política não faz o político virar ladrão, é esse mesmo voto que faz o ladrão virar político. 
Um voto não é só mais um não é indiferente, pelo contrário, faz a diferença! Pesquise o candidato a fundo, não aceite “esmolas” por um voto decisório.
Nós precisamos de pessoas do bem, que queira o bem e façam também. 
Estamos saturados de tanta corrupção, fartos de mentiras. Mais uma escolha errada seria trágica para a sociedade.

Em média 12 milhões de desempregados, pais de família, mães responsáveis por prover o alimento de seus filhos, seus estudos e trilhar o caminho para o futuro.
Vamos dar esperança a essa nação, lhes proporcionar um futuro correto e promissor com justiça social.
Por pessoas honestas, de caráter, justas e uma política limpa.
Seu voto não é só mais um.
Ele é decisório na sua história e principalmente na nossa!

Júnior Macagnan é empresário e coordenador do Movimento Vem Pra Rua em Cuiabá


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.