terça-feira, 7 de junho de 2016

Temer corta R$ 20 milhões para a Saúde do Maranhão

Pode não parecer retaliação ao fato do governador Flávio Dino fazer árdua campanha contra o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff e chamar de golpistas os favoráveis ao impedimento, mas o certo é que o presidente interino, Michel Temer, mandou cortar repasses de R$ 20 milhões já empenhados no Ministério da Saúde que seriam repassados para o Maranhão.
O governador Flávio Dino tomou conhecimento ontem da atitude presidencial, mas não comentou nada a respeito.
A tesoura de Temer fez um corte de R$ 400 milhões em ministérios como o de Turismo, Saúde, Integração Nacional e Cidades, que foram empenhados nas vésperas das duas votações pelo prosseguimento do impeachment de Dilma.
Um dos empenhos atendia também interesses do presidente interino da Câmara Federal, deputado Waldir Maranhão, através de emendas dele da ordem de R$ 13 milhões.
Nos  dois casos da liberação ao nosso estado, o governo federal alegou falta de base técnica ou de projetos aprovados nos municípios onde seriam aplicados. Além disso, eram empenhos sem correspondência financeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.