quarta-feira, 9 de março de 2016

Ex-prefeita Irene Soares é declarada inelegível até 2020 e condenada a pagar 50 mil reais de multa

O Juiz Eleitoral da 54ª Zona Eleitoral de Presidente Dutra Ferdinando Marco Serejo através da Sentença 145/2016, declarou inelegível por oito anos a ex-prefeita do município Irene de Oliveira Soares, e a condenou ao pagamento de Cinquenta Mil Reais de multa. Com a decisão, que ainda cabe recurso, Irene Soares só poderá concorrer a algum cargo eletivo a partir de 8 de outubro de 2020, porque conta a partir da eleição de 2012.
Sobrou para o Carlos Alves
O ex-secretário municipal de educação do governo ireniano Carlos Alves de Oliveira Neto também está inelegível por oito anos e foi condenado ao pagamento de Dez Mil Reais de multa.
A condenação da ex-prefeita aconteceu em virtude de ela ter contratado servidores irregularmente em junho de 2012. Portanto, dentro do período vedado e sem as formalidades legais nas secretarias de educação e saúde, numa clara tentativa de beneficiar seu candidato a prefeito na época, Raimundo Alves Carvalho.
Carlos Alves, titular da pasta da educação do município naquele período, assinou as portarias, por esse motivo sofreu as sansões da lei eleitoral.
Ainda de acordo com a sentença, as mesmas sanções aplicadas à Irene Soares e a Carlos Alves não alcançaram o ex-secretário municipal de saúde Rolmerson Robson pelo fato do mesmo já ter falecido, sendo extintas pela Justiça Eleitoral.



Fonte - Adonias Soares

Um comentário:

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.