quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Vereadores de Jardim (MS) estudam igualar salário ao dos professores

A Câmara Municipal de Jardim no Mato Grosso do Sul, se inspirou na discussão sobre redução de salários dos vereadores que ocorreu em Guia Lopes da Laguna, também em MS, e também propôs uma diminuição das remunerações para os representantes municipais. 
Conforme as informações do site Jardim Notícias, a ideia de reduzir os salários foi proposta pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Sérgio Henrique Sá Braga (PROS), durante sessão ordinária desta terça-feira (8), prevê redução também na remuneração dos cargos de prefeito, vice-prefeito e secretários municipais. 
Se aprovado, o Projeto de Lei nº 020/2015 passa a valer a partir de 2017, passando os salários de prefeito de R$ 22 para R$ 11 mil; vice-prefeito de R$ 15 mil para R$ 7,5 mil e de gerente municipal de R$ 8 para R$ 4 mil e dos vereadores no valor máximo do Piso Nacional dos Professores de R$ 1.917. 
Alguns vereadores foram favoráveis à votação e outros contrários, oportunidade em que o presidente da Casa de Leis, Professor Serginho, justificou a sua proposição. “Não podemos usar da hipocrisia para afirmar que qualquer cidadão pode exercer um mandato sem remuneração, ou até mesmo com um salário mínimo. Tenho certeza de que muitos tem vontade e disposição para o trabalho, mas tudo isso tem um custo, uma contrapartida. Precisamos preservar as condições para tocar os nossos projetos. Não podemos ficar engessados e sem condições de trabalho, mas podemos fazer uma adequação”, disse o vereador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.