terça-feira, 8 de setembro de 2015

Índios mantêm funcionários da Funasa reféns em Itaipava do Grajaú

Índios da  aldeia Geralda Toco Preto, localizada na cidade de Itaipava do Grajaú fizeram um grupo de funcionários da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), reféns, desde às 5h da manhã quando o grupo se preparava para trabalhar. A enfermeira Livia, foi liberada pelos indígenas pra amamentar seu filho.
De acordo com informações até o momento os funcionários Dr. Nelson (Medico Cubano ), Dr. Luciano Morais, que é filho do empresário Raimundo Nonato "Nonatão" e o motorista dos médicos ainda estão em poder do grupo. Hoje pela manhã a FUNASA entrou em contato com os indígenas, que reivindicam na localidade um posto de saúde e uma equipe permanente. A Polícia Federal ainda não foi comunicada para dar início as negociações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Zaidan de Sousa. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.