sábado, 3 de dezembro de 2016

Famem: Luis Fernando diz que já é “cabo eleitoral” de Tema

“Já sou cabo eleitoral do  Tema para a presidência da Famem. É um grande companheiro, uma liderança reconhecida, fez um grande trabalho na Federação, durante seus dois mandatos e foi o primeiro e me procurar. Os demais postulantes são competentes, mas o Tema, prefeito de Tuntum,  foi quem me primeiro entrou  em contato comigo e por isso, garanto o meu voto e meu empenho na eleição dele”.
A afirmação foi feita na manhã desta quinta-feira (1), pelo prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB),  durante o encontro entre os prefeitos e o governador Flávio Dino, no Rio Poty Hotel. Presença das mais aguardadas, Luis Fernando foi cercado por  um batalhão de jornalistas em sua chegada e foi questionado sobre os mais variados assuntos, principalmente sobre a eleição para a presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão –Famem.
Eleito com 96,17% dos votos de  São José de Ribamar, a maior votação do país nas eleições de outubro, Luis Fernando disse que isso aumenta seu compromisso  e sua responsabilidade  com o povo daquela cidade. Sobre suas primeiras medidas, quando assumir o cargo em janeiro, revelou que a prioridade é a reconstrução da cidade.
“Em primeiro de janeiro, vamos providenciar a integração da Guarda Municipal com o aparelho de Segurança da cidade, para propiciar garantia da integridade do cidadão ribamarense. Vamos resgatar o orgulho do povo de ser ribamarense”, acrescentou.
Luis Fernando disse que voltará a a ser prefeito 24 horas, garantindo que haverá plantão de secretários. “A população de São José de Rib amar vai voltar a sentir a presença do poder público na cidade”, frisou Luis Fernando.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

CEMAR faz alerta para quem vai fazer ligações elétricas provisórias nas festas de fim de ano

Dezembro chegou! E com ele as festas de fim de ano e comemorações ao ano novo. Época de muitas programações nas ruas, praças e em casa. Mas, atenção! É preciso ter cuidado com o uso da energia elétrica nesses locais que utilizam ligações temporárias para que as instalações sejam feitas dentro dos padrões de segurança.
Se a sua festa precisa de ligações provisórias, saiba como proceder:

 Para fazer ligações provisórias solicite com pelo com pelo menos 72 horas de antecedência à Cemar, em uma das nossas agências de atendimento;

 A Cemar precisa verificar se a rede elétrica do local suporta a carga a ser instalada. Por isso informe todos os equipamentos que irão ser utilizados no local (equipamentos de som, refletores, aparelhos eletrônicos, por exemplo);

  ⇒Somente profissionais autorizados da Cemar podem fazer as ligações provisórias;

  ⇒Os palcos e estruturas metálicas devem estar devidamente aterrados para evitar acidentes elétricos.

  ⇒Evite fios (gambiarra) sem isolamento pelo chão, pois podem gerar acidentes graves;

  ⇒Em caso de acidentes com curtos circuitos não se aproxime de fios ou cabos partidos. É importante isolar o local e jamais se aproximar de objetos ou pessoas em contato com os fios energizados.

Fique Ligado!
Essas orientações são fundamentais para evitar acidentes e assim ter um espaço em que todos podem curtir e confraternizar de forma segura. Em situações de risco a Cemar orienta à população a ligar imediatamente na central de atendimento 116.
Fonte: ASCOM-CEMAR

Enem não será cancelado, garante ministro da Educação

O ministro da Educação Mendonça Filho reforçou hoje (2), na capital paulista, que não existe “nenhuma possibilidade de cancelamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)”. Amanhã (3) e domingo (4), os candidatos fazem a segunda aplicação do exame.
Mendonça disse que o processo de investigação que apura tentativas de fraude no Enem está sendo conduzido pela Polícia Federal, em articulação com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). O objetivo é identificar fraudadores e beneficiários.
Segundo o ministro, para as provas deste fim de semana, continuam os monitoramentos de combate à fraude. “Quem for pego vai ser desclassificado e punido pela legislação criminal vigente”, disse o ministro, que participou de força-tarefa para combate ao mosquito Aedes aegypti em uma escola da cidade de São Paulo.
Ontem (1º), o Inep já havia informado que o Enem não será cancelado e que punições se restringirão aos envolvidos nos casos de tentativa de fraude. As denúncias de que as provas do primeiro e segundo dias do Enem, além da redação, vazaram para pelo menos dois candidatos antes do início do teste, vieram do Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE). O Inep também reiterou que não há indício de vazamento do gabarito oficial.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Que sirva de exemplo! Cidade de Timbiras proíbe menores de idade pilotarem motos

As Autoridades Policiais é o Ministério Público de 
Dom Pedro tem que fazer o mesmo.

A decisão partiu do Ministério Publico de Timbiras, e segundo o Comandante da 9ª Companhia independente do 3º Pelotão da PM Sargento Joerberth, a decisão foi repassada ao novo Delegado da cidade Dr. Gilvan Lucas de Sousa.
E agora está definitivamente proibido os menores pilotarem em Timbiras, se forem apreendidos serão notificados os pais ou responsáveis e neste caso serão autuados pela justiça.
Tolerância zero essa é a palavra dada pela policia militar em parceria com a policia civil de Timbiras, quem for pego a principio com essas irregularidades será abordado pelas policias e terão seus veículos conduzidos para a delegacia de policia civil e depois será tomadas as penas cabíveis.

Maranhão: Falso delegado é preso em Peritoró

A Polícia Civil de Peritoró prendeu nesta manhã Francisco Reinaldo Nunes Júnior, morador da Rua Coelho Macedo, Centro de Coroatá.
Francisco vinha se passando por Delegado de Peritoró e extorquindo pessoas, exigindo dinheiro de pessoas que estivessem em alguma situação irregular para que não as “prendesse”.
Além de tais condutas na cidade de Peritoró, Francisco responde a processos por estelionato na Comarca de Coroatá, razão pela qual fora expedido mandado de prisão em seu desfavor.
A polícia conseguiu prendê-lo nesta manhã, no centro de Peritoró, no momento em que tentava fazer mais uma vítima.
O preso será encaminhado para o Presídio de Coroatá, onde ficará a disposição da justiça e responderá por todos os seus crimes. Por Neto Ferreira

Flávio Dino garantido, PEC do fim da reeleição cabe só a partir dos próximos mandatos

O governador Flávio Dino (PCdoB) poderá disputar a reeleição em 2018. O texto que será votado pelo plenário estabelece que a possibilidade de reeleição acabe a partir dos próximos mandatos e não para os eleitos em 2014 e 2016. Assim, quem está nos cargos de presidente da República, governador ou prefeitos atualmente – e os que foram eleitos este ano – poderão se reeleger, mas os próximos não.

No Senado existia uma discussão. Caso a PEC seja aprovada a partir de quando ela iria valer?. Em contato com o blog, o senador Pinto do Itamaraty (PSDB) contou que tinham três teses; uma que impedia a reeleição para os eleitos em 2014; outra a partir deste ano e uma terceira que permitia a reeleição dos eleitos em 2014, mas deveriam deixar o cargo seis meses antes da eleição.

O plenário do Senado aceitou, nesta quarta-feira,30, um requerimento para desmembrar a proposta de emenda à Constituição (PEC) que acaba com a reeleição no Brasil. A intenção inicial era votar a PEC, mas os senadores optaram por dividir o conteúdo da proposta, mantendo na pauta do plenário a parte que trata da reeleição e remetendo o restante à Comissão de Constituição e Justiça da Casa.

O trecho que foi separado da PEC são artigos que tratam de candidaturas de policiais e bombeiros militares. Esses artigos preveem que eles poderão ficar agregados desde o registro da candidatura até dez dias após o término das eleições, com remuneração até o limite máximo de três meses. Se eleito, permanecerá agregado contando-se o tempo do mandato para todos os efeitos legais, exceto para promoção por merecimento; e, se não reeleito, retornará à atividade.
Fonte - Marrapá

Polícia Federal constata vazamento do Enem 2016, diz Ministério Público Federal

O Ministério Público Federal no Ceará (MPF/CE) informou que recebeu relatório da Polícia Federal (PF) constatando que as provas do primeiro e do segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além da prova da redação, vazaram para pelo menos dois candidatos antes do início do teste.
O Enem foi aplicado nos dias 5 e 6 de novembro para 5,8 milhões de candidatos em todo o país.

Em nota, o MPF diz que, em um trecho do relatório, a PF destaca que, após a análise de celulares apreendidos durante operações nos dias do exame, concluiu-se que os candidatos receberam fotografias das provas e tiveram acesso aos gabaritos e ao tema da redação antes do início dos testes.

Os estudantes tiveram acesso à "frase-código" da prova rosa, o que permitia que candidatos que deveriam fazer provas diferentes da rosa pudessem preencher o cartão de respostas de acordo com o gabarito transmitido pela quadrilha de fraudadores, não importando a cor da prova que o estudante tenha recebido no exame, já que a frase-código é o que legitima a correção conforme a cor referente à frase.

Candidatos presos em Minas Gerais e no Maranhão
Os dois candidatos foram presos, um em Minas Gerais e outro no Maranhão. Ambos receberam exatamente as mesmas fotografias com gabaritos das provas, porém, de intermediários diferentes, "deixando claro que a origem do vazamento é a mesma".

Quanto à prova de redação, a perícia da PF identificou que os candidatos presos iniciaram pesquisas no Google sobre o tema da redação a partir das 9h38 do dia 6 de novembro, indicando que tiveram acesso ao tema antes do início da aplicação das provas.

O procurador da República Oscar Costa Filho, do MPF/CE, disse que a íntegra do relatório e peças do inquérito serão anexadas ao recurso do MPF que tramita no Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Recife. Em novembro, o procurador ingressou com ação na Justiça Federal pedindo que fosse anulada a prova de redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O pedido foi negado pela Justiça, e o MPF entrou com recurso. “Uma quadrilha organizada nacionalmente teve acesso antecipado às provas. Isso compromete a lisura do exame e a própria credibilidade da logística de segurança que vem sendo aplicada”, argumenta o procurador.
A Agência Brasil entrou em contato com a assessoria de imprensa da Polícia Federal, que não confirmou o conteúdo do relatório.
Repórter da Agência Brasil

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Aprovada medida que pune juízes por abuso de autoridade

A medida é de autoria do deputado maranhense 
Weverton Rocha (PDT).

Autor da medida, o deputado
Weverton Rocha (PDT/MA)
 afirmou que a medida ajuda o MP a
 ‘separar o joio do trigo’.
A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta quarta-feira a proposta apresentada pelo líder do PDT, Weverton Rocha (MA), que propõe punir o abuso de autoridade praticado por magistrados e membros do Ministério Público (MP). O argumento dos parlamentares para a aprovação da medida foi que não poderia se admitir no país mais “privilégios a ninguém”.

Em votação nominal, a emenda ao pacote anticorrupção foi aprovada por 313 votos a favor, 132 contrários e cinco abstenções. “Essa emenda permite que todos se comportem dentro da lei”, disse o líder do PCdoB, Daniel Almeida (BA).

A deputada Clarissa Garotinho (sem partido-RJ) citou a prisão de seu pai, o ex-governador Anthony Garotinho, como “caso emblemático” de abuso de poder. “Hoje foi com Garotinho, amanhã pode ser com qualquer um.”

Só DEM, PSDB, PROS e PHS liberaram suas bancadas. PPS, Rede, PV e PSOL orientaram voto não por considerem o tema inadequado para votação para não causar constrangimentos aos investigadores da Operação Lava Jato.

“Vai parecer uma retaliação ao Judiciário e aos membros do Ministério Público”, pregou o líder da Rede, Alessandro Molon (RJ). “É um erro, é inoportuno”, acrescentou o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), criticando tal votação “na calada da noite”.

Pela emenda, entre as condutas passíveis de punição está a de se manifestar, por qualquer meio de comunicação, opinião sobre qualquer processo pendente de julgamento ou atuação do MP ou fazer “juízo depreciativo” sobre despachos, votos, sentenças ou manifestações funcionais, “ressalvada a crítica nos autos e em obras técnicas ou no exercício do magistério”.

Outras situações que passariam a ser enquadradas como abuso de autoridade estão atuar com motivação político-partidária, ser negligente no cumprimento do cargo, proceder de modo incompatível com o decoro ou receber qualquer honorário ou custas processuais.

Também seria enquadrado o juiz que proferir julgamento, quando, por lei, estiver impedido ou suspeito na causa; exercer atividade empresarial ou participar de sociedade empresária, exceto como acionista. O juiz não poderia exercer qualquer outro cargo ou função, exceto dar aula.
Em relação aos membros do Ministério Público, estariam praticando abuso de autoridade quando emitissem parecer, quando, por lei, estivessem impedidos ou suspeitos na causa. Estariam ainda proibidos de exercer a advocacia ou qualquer outra função pública, menos dar aula.

Controvérsia
Embora não tivesse sido discutida na comissão especial, a punição a juízes e promotores foi incluída no parecer apresentado pelo relator, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), mas dentro da tipificação do crime de responsabilidade. Hoje, esse tipo de crime só atinge ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e o procurador-geral da República, além de presidente da República, ministros, governadores e secretários de estado.

Após pressão do Ministério Público Federal, porém, Lorenzoni acabou recuando e retirou esse item do seu relatório, o que gerou críticas da maior parte das legendas, favoráveis à medida.

No plenário, Lorenzoni tentou convencer os colegas a não aprovar a emenda sob o argumento de que não seria o momento adequado para votar a medida porque poderia soar como retaliação às investigações da Lava Jato.

No entanto, ele acabou vaiado por vários deputados e mal conseguiu concluir o seu discurso. Irritados, os parlamentares favoráveis à punição aos juízes e MP alegam que Lorenzoni havia se comprometido a manter a previsão no seu parecer, mas acabou descumprindo o acordo.

Em um dos momentos mais constrangedores, o deputado Arthur Lira (PP-AL), ao usar o seu tempo de discurso, colocou um gravador perto do microfone e reproduziu o trecho de um discurso gravado de Lorenzoni em que ele se diz favorável à medida.

Os parlamentares se revezaram na tribuna com discursos contra e a favor. “O caso do meu pai talvez seja um dos mais emblemáticos de abuso de autoridade”, disse a deputada Clarissa Garotinho (sem partido-RJ), ao citar a prisão do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho. “Está claro que o juiz agiu por motivação político-partidária”, acusou.

O líder da Rede, Alessandro Molon (RJ), foi um dos que defenderam que a emenda não fosse aprovada. “Vai parecer uma mera retaliação do Congresso ao judiciário e ao Ministério Público”, disse.

A força-tarefa da Lava Jato chegou a divulgar uma nota condenando a possibilidade de a Câmara “atentar contra a independência do Ministério Público e do Poder Judiciário”. A punição à categoria foi classificada como uma “tentativa de aterrorizar procuradores, promotores e juízes em seu legítimo exercício da atividade de investigação, processamento e julgamento de crimes, especialmente daqueles praticados nas mais altas esferas de poder”.
Fonte - G1.com

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Igrejas arrecadam 17 bilhões por ano no Brasil

Um levantamento da Receita Federal dá conta que as igrejas brasileiras, considerando diferentes religiões, teriam recebido R$ 17 bilhões, somando dízimos e ofertas voluntárias. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo.
Os dados são de 2013, o último ano consolidado pelo órgão. Para efeitos de comparação, em  2011 foram arrecadados R$ 13,7 bilhões, mostrando um crescimento de 23,6%.
O montante arrecadado anualmente pelas igrejas pode ser ainda maior. Um levantamento do Jornal Folha de São Paulo, indica que em 2011 foram 20,6 bilhões de reais, com R$ 10,8 bilhões vindo de doações voluntárias, R$ 3,47 bilhões do dízimo, R$3 bilhões pela venda de bens e serviços e R$ 460 milhões de rendimentos em ações e aplicações.
Crise econômica atinge as igrejas
Não há dados consolidados para os 3 últimos anos, mas em meados de 2015 a crise econômica que o país atravessa atingiu em cheio as igrejas.
A revista Veja fez um levantamento e constatou que, no último ano e meio, a queda de receita chega a 40% em alguns segmentos de produtos e serviços voltados para os evangélicos. O processo de declínio só vem acelerando desde então.
Entre os vários líderes de ministérios que admitiram a diminuição das entradas estão os pastores Silas Malafaia, o missionário R.R. Soares e o bispo Robson Rodovalho. Além disso, diferentes programas de TV mantido por igrejas saíram do ar por falta de recursos.

Bandidos fortemente armados invadem aeroporto em assalto a carro-forte em Floriano no Piauí

O aeroporto de Floriano foi invadido por volta das 10h40 desta terça-feira (29). De acordo com informações preliminares recebidas pelo Portal O DIA, a ação teria sido praticada por um grupo de homens fortemente armados. O objetivo seria roubar malotes que dinheiro que eram transferidos de uma aeronave e seriam transportados por um carro-forte. 

No momento da ocorrência, o aeroporto estava fechado para receber somente a aeronave que trazia o dinheiro. Policiais militares e a equipe de segurança da empresa de transporte de valores, assim como alguns funcionários do aeroporto, estavam no local.

Houve troca de tiros com os bandidos e um policial, identificado até agora como tenente Passos, ficou ferido. O tiro atingiu o ombro do PM e a bala ficou alojada, mas ele não corre risco de morrer.
Segundo Raniery Almeida, advogado da empresa Esaero - responsável pela administração do aeroporto - os bandidos invadiram o pátio onde as aeronaves pousam. "Eles entraram pelas duas cabeceiras da pista ao mesmo tempo, bloqueando a passagem. Não sabemos que tipo de armas utilizavam, mas pelos relatos seriam metralhadoras e fuzis", conta o advogado. No local, foram encontradas cápsulas de projétil 5,56, característico de armas longas, como o fuzil AR-15.

Os bandidos metralharam o carro-forte e, em seguida, conseguiram fugir. De acordo com Raniery, eles levaram os malotes de dinheiro, mas não há informações sobre os valores. Equipes da PM e da Polícia Civil estão em diligências para encontrar os assaltantes.

O aeroporto de Floriano recebe voos diários, principalmente de aeronaves particulares. Também é frequente o pouso de aviões de empresas de transporte de valores, que atendem às demandas daquela região do Piauí. Os representantes da Esaero estão voltando ao estado. Eles se encontravam em Araguaína, no Tocantins, quando receberam a informação sobre o ataque em Floriano. A empresa é do Piauí, mas administra aeroportos em todo o Brasil.

Por: Andrê Nascimento

Justiça bloqueia contas da Prefeitura de São José dos Basílios para pagar servidores

Uma decisão assinada pelo juiz Bernardo de Melo Freire, titular da Joselândia, determinou o bloqueio de 100% do repasse do FUNDEB do Município de São José dos Basílios, termo judiciário da comarca. Consta que em decisão anterior, na qual ficou determinada a retenção de 60% das verbas provenientes do FPM, FUS e FUNDEB, não foi suficiente para que os salários fossem colocados em dia, no que pertine ao pessoal ligado à educação.

De acordo com a decisão da Justiça, o Ministério Público afirmou que a folha de pagamento do FUNDEB é superior aos 60% bloqueados pelo Judiciário, sendo, verdade, correspondente a quase 100% do valor recebido a título de repasse do FUNDEB. Os requeridos são o Município e o Prefeito Francisco Walter de Sousa.

No pedido, relata que o Município não teria despesas suficientes relativas a custeio que abarcasse os 40% não bloqueados, ficando tal verba sem uso mais importante neste momento, o qual seria colocar os salários dos servidores em dia.

Para o juiz, restou demonstrada a presença dos requisitos autorizadores da medida cautelar pleiteada, pois, de fato, demonstrado o recebimento de recursos pelo Município de São José dos Basílios relativos aos repasses constitucionais a que faz jus, sendo o valor da folha muito aproximado ao valor total depositado pelo FUNDEB. “Ora, não há dúvidas de que a conta não fecha, pois não deveria a folha de pagamento dos servidores da educação ser tão vultosa a ponto de usar todas as verbas e, mesmo assim, não ser suficiente para adimplir os salários”, destacou Bernardo Freire.

A Justiça entendeu que os servidores que efetivamente trabalharam não podem ser responsabilizados pela incompetência administrativa do gestor, o qual inflou a folha de salários além do que comportaria as receitas do município. A decisão enfatiza que, nesses moldes, o bloqueio da conta bancária da Fazenda Pública possui características semelhantes ao sequestro e encontra respaldo no Código de Processo Civil, uma vez tratar-se não de norma taxativa, mas exemplificativa, autorizando o juiz, de ofício ou a requerimento da parte, determinar as medidas assecuratórias para o cumprimento da tutela específica.

E decide: “Destarte, restando evidenciada a configuração dos requisitos autorizadores, altero a tutela antecipada outrora deferida para ampliar os seus efeitos no que pertine ao FUNDEB nos seguintes termos. Ante o exposto, e com base na fundamentação, defiro a alteração da liminar pleiteada para determinar o bloqueio de 100% das verbas oriundas do FUNDEB por tempo limitado ao completo pagamento de todos os servidores públicos municipais ligados à educação em atraso”.

Em caso de descumprimento injustificado da determinação judicial, o magistrado fixou multa diária no valor de R$ 5 mil, em regime de solidariedade entre o Município de São José dos Basílios e o Prefeito Francisco Walter Sousa, sem prejuízo da configuração de crime de responsabilidade por parte do gestor. “Notifiquem-se os gerentes dos Bancos responsáveis pelo recebimento do FUNDEB do município, para que tomem conhecimento e deem cumprimento às determinações epigrafadas, no prazo acima estipulado”, finaliza o juiz, destacando que essa decisão já serve de mandado de citação, notificação e intimação. Por Neto Ferreira

Juiz proíbe Banco do Brasil de fechar agências no Maranhão

O juiz Douglas Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, proibiu hoje (29/11) o Banco do Brasil de fechar agências no Maranhão
Na semana passada a empresa informou que vai fechar cinco agências no estado – uma delas é a concorrida Agência Deodoro, de grande fluxo de clientes.
“A decisão que prolatei hoje tem o objetivo de resguardar direitos dos consumidores e o patrimônio do próprio”, explicou o magistrado, por meio de sua conta no Twitter.
A decisão atende a Ação Civil Pública do Procon-MA por meio da qual se requeria pleno funcionamento de todas as agências no estado e, ainda, que o Banco do Brasil prestasse esclarecimentos sobre as notícias veiculadas a respeito do fechamento das unidades, além da exposição das medidas que seriam tomadas em favor dos consumidores caso a decisão seja efetivada. Por Gilberto Lêda

Atlético Nacional propõe que título da Copa Sul-Americana fique com Chapecoense

O time colombiano Atlético Nacional, que jogaria amanhã (30) contra o Chapecoense, em Medelín, na Colômbia, pediu hoje (29) à Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), que organiza a Copa Sul-Americana, que entregue o título de campeão ao Chapecoense, time da cidade catarinense de Chapecó.
Em seu site, o Atlético Nacional diz que recebeu consternação a notícia do acidente com o avião que levava os atletas chapecoenses à Colômbia. “A dor atinge profundamente nossos corações e invade de luto nosso pensamento”, afirma a equipe colombiana. “O acidente de nossos irmãos do futebol da Chapecoense nos marcará por toda a vida e já deixa uma marca inapagável no futebol latino-americano e mundial."
No comunicado, o Atlético Nacional propõe à Conmebol que a Associação Chapecoense de Futebol fique com o  título da Copa Sul-Americana como homenagem póstuma às vítimas do acidente. “Da nossa parte, e para sempre, Chapecoense, Campeão da Copa Sul-Americana 2016."

A cidade de Caxias vai inaugurar o seu primeiro shopping center

A cidade de Caixas, na região dos Cocais do Maranhão, ganhará o seu primeiro grande centro de compras, o Caxias Shopping Center, nessa quarta-feira, 30.
O novo empreendimento comercial da cidade, que atenderá à toda a região, está situado na Rodovia Rodovia BR-316, km 554, nº 4.362, Bela Vista. O Caxias tem 19 mil m² de Área Bruta Locável (ABL), com mais de 29 mil m² de área construída, e representa um investimento de mais de R$ 100 milhões.
Caxias hoje tem 170 mil habitantes, e influencia uma área com mais de 450 mil pessoas das cidades próximas, como Codó, Coelho Neto e outras. Hoje é a quinta maior cidade do Maranhão em número de habitantes, com um PIB de mais de R$ 785,00 milhões
O novo shopping contará com 142 lojas, sendo 108 lojas satélites, oito mega lojas, cinco âncoras, praça de alimentação com 19 lojas de fast-food, cinema com quatro salas, incluindo 3D, ambiente totalmente Wifi e ambiente de games.

Queda de avião que levava Chapecoense mata 76 pessoas; três jogadores estão entre sobreviventes

A maior tragédia da história do futebol brasileiro.
O avião que levava a Chapecoense para Medellín, onde disputaria a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional na próxima quarta-feira, caiu a 50 quilômetros da cidade colombiana por causa de uma falha elétrica.
81 pessoas estavam a bordo entre 72 passageiros e nove tripulantes: 76 pessoas morreram. Os únicos sobreviventes do voo foram os jogadores Alan Ruschel, Danilo e Jakson Follmann; a aeromoça Ximena Suárez e o jornalista Rafael Henzel.
19 jogadores da Chapecoense, a comissão técnica encabeçada por Caio Júnior, dirigentes do clube, o presidente da federação catarinense (Delfim Peixoto), jornalistas de Fox Sports (dentre eles o ex-meia Mario Sérgio) e Globo faleceram na queda.

A lista com todos os passageiros e tripulantes, de acordo 
com a Aeronáutica Civil, da Colômbia:

Atletas - Alan Ruschel, Ananias, Arthur Maia, Bruno Rangel, Juninho, Cléber Santana, Danilo, Dener, Filipe Machado, Jakson Follmann, Gil, Gimenez, Kempes, Lucas Gomes, Matheus Biteco, Neto, Sérgio Manoel, William Thiego, Tiago Albes, Josimar, Marcelo, Mateus Caramelo.

Comissão técnica - Caio Júnior, Eduardo de Castro Filho, Anderson Paixão, Anderson Roberto Martins, Marcio Bestene Koury, Rafael Gobbato, Luiz Cesar Martins Cunha, Luiz Felipe Grohs, Sergio Luis Ferreira de Jesus, Anderson Donizette Lucas, Adriano Wulff Bitencourt, Cleberson Fernando da Silva, Emerson Fabio di Domenico, Eduardo Luiz Preuss, Mario Luiz Stumpf, Sandro Luiz Pallaoro.

Dirigentes - Plínio de Nes Filho, Luciano Buligon, Gelson Luiz Merísio, Nilson Folle Junior, Decio Sebastião Burtet Filho, Jandir Bondignon, Gilberto Pace Thomas, Mauro Dal Bello, Edir Félix de Marco, Davií Barela Bavi, Ricardo Philippi Porto, Delfim Peixoto.

Jornalistas - Victorino Chermont, Rodrigo Santana Gonçalves, Deva Pascovitch, Licacio Pereira Junior, Paulo Júlio Clement, Mario Sérgio, Guilherme Marques, Ari de Araújo unior, Guilherme Laars

Jornalistas - Giovane Klein Victória, Bruno Mauri da Silva, Djalma Araújo Neto, André Luis Goulart Podiacki, Laion Machado Espíndola, Rafael Henzel, Renan Carlos Agnolin, Fernando Schardong, Edson Luiz Ebeliny, Gelson Galiotto, Douglas Dorneles, Jacir Biavatti, Ivan Carlos Agnoletto
Tripulação: Miguel Quiróga, Ovar Goytia, Sisy Arias, Romel Vacaflores, Ximena Suarez, Alex Quispe, Gustavo Encina, Erwin Tumiri, Angel Lugo

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Suspeitos de CRIME bárbaro são presos pela polícia Civil em Santa Inês no Maranhão

Dando continuidade na eficiência de suas investigações, a Polícia Civil por meio da Delegacia Regional de Santa Inês, prendeu na tarde do último domingo (20); Almir Carvalho (28); João Batista Madeira Diniz, (31); Domingos Silva Rodrigues, (23) e Jonathan Ferreira dos Santos, (19), suspeitos de participarem de um crime bárbaro que chocou a cidade de Santa Inês. 
(Veja o Video do crime logo a baixo)
O delito ocorreu no bairro Canaã e teria sido motivado por desavenças entre os suspeitos e o irmão da vítima, conhecido como Jaiminho. De acordo com delegado Ederson Martins, os suspeitos após fazerem uso de bebidas alcoólicas, deslocaram-se até a residência da vítima, identificada como Antônio da Silva (46), para acertar contas com seu irmão.
Ao fazerem buscas no interior da residência, não obtiveram êxito na busca do seu alvo (Jaiminho), então, deram início as agressões a vítima com vários golpes de arma branca. O delegado descreveu o fato como algo bárbaro e cruel, sem possibilidade de defesa por parte do vitimado, ao ponto de dilacerar sua cabeça. No momento do crime, estavam de posse de facas e facões.
As equipes da Polícia Civil com apoio da Polícia Militar conseguiram prender de imediato João Batista e Domingos Silva, ambos envolvidos diretamente com o caso, em seguida foi concretizada a prisão de Almir Carvalho, o qual deu auxílio aos demais.
Com as inquirições da Polícia Civil, foi preso na última terça-feira (22), Jonathan dos Santos que estava escondido na residência de familiares. 
As averiguações estão ainda em andamento no intuito de localizar o quinto envolvido, identificado apenas como Gustavo, que se encontra foragido. Os suspeitos foram autuados em flagrante delito pelo crime de homicídio qualificado. 
Por: Anselmo Oliveira/ASCOM SSP

Empresário delata à Policia Federal participação de Ricardo Murad no esquema da Saúde

O ex-secretário de Saúde do governo Roseana Sarney, Ricardo Jorge Murad, foi delatado à Superintendência da Polícia Federal do Maranhão como o responsável direto pela escolha das empresas que seriam contratadas, sem licitação, para prestaram serviços ao Estado no período em que ele comandava a pasta.
Em depoimento obtido com exclusividade pelo Blog doNeto Ferreira, o empresário Emílio Borges Resende delata Murad para o delegado responsável pelas investigações, Wedson Caje Lopes.
O empresário afirma em seu depoimento concedida à Polícia Federal no dia 9 de outubro – durante segunda fase da Operação Sermão aos Peixes (denominada de Operação Abscôndito e Voadores) -, que “em alguns casos, a mando de Ricardo Murad, um subalterno dele simplesmente ligava para a unidade hospitalar e ao instituto responsável informando qual empresa iria prestar o serviço e determinava a contratação”.
“O acerto sobre qual empresa iria prestar serviço em determinado hospital era decidido diretamente por Ricardo Murad“, diz um trecho do depoimento bombástico, que levou os investigadores a intensificar as apurações sobre Murad.
O dono do instituto especificou que o ex-secretário de Saúde era a pessoa que dava a “palavra final” em todos os assuntos mais relevantes, não apenas na empresa COBRA, como em todas as empresas que prestavam serviços à Bem Viver.
Emílio é um dos diretores da Associação Bem Viver e dono do Centro de Oncologia Brasileiro (COBRA). Ele já foi preso duas vezes por integrar o esquema criminoso que desviou milhões dos cofres públicos da saúde do Maranhão.
Em contato com a reportagem, a assessoria de Ricardo Murad disse que ele não se manifestaria.


Entenda o caso.
Na época da gestão de Ricardo Murad, a saúde pública estadual era terceirizada. Ao passar a atividade para entes privados, o gestor teria fugido dos controles da “Lei de Licitação”, empregando profissionais sem concurso público e contratando empresas sem licitação.
No período de investigação, os recursos destinados pela União ao Fundo Estadual de Saúde do Maranhão por meio do Ministério da Saúde foram de R$ 2 bilhões.
O nome da operação é alusivo ao sermão do Padre Antônio Vieira que, em 1654, falou sobre como a terra estava corrupta, censurando seus colonos com severidade. Foi realizada em conjunto com a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Ministério Público Federal (MPF).

Moradores denunciam que Bens públicos são depenados na cidade de Formosa da Serra Negra.

Depois de perder a reeleição para prefeito em Formosa da Serra Negra o ainda prefeito Edmílson Santos e seus aliados passaram a fazer uma verdadeira baixaria no trato com os bens públicos.
Prédios públicos, veículos, máquinas pesadas, móveis das repartições públicas, tudo isso vem sendo sucateado e desviado a luz do dia. Procurados, os responsáveis se omitem de esclarecerem a verdade é buscam a todo custo esconder a realidade. 

Em Formosa a prefeitura tem um galpão para guardar os veículos, mas tal galpão foi transformado num cemitério de bens públicos, pois ali os veículos são depenados. O chefe dos transportes da secretaria de educação em Formosa, o secretário de transporte e o responsável direto pelo galpão serão ouvidos pela polícia nos próximos dias. O crime, se confirmado, é o de peculato onde o infrator pode pegar até 12 anos de reclusão. 
Além do crime de peculato investigado outros crimes contra a administração pública serão analisados no curso do Inquérito. Fonte - Realidade na Tela

domingo, 27 de novembro de 2016

Jovem é assassinado à tiros no bairro Novo em Chapadinha

Na noite deste sábado (26/11) foi registrado um homicídio no bairro Novo em Chapadinha Maranhão.
Um menor conhecido popularmente como "Miltinho da Vila Izamara" foi assassinado à tiros, a vítima já teve várias passagens pela polícia Militar. 
Segundo informações de uma moradora do bairro que assistiu toda ação dos bandidos relata que ao sair pra comprar um produto em um mercadinho próximo a sua residência, viu do portão, o Miltinho e outro jovem subindo a pé,  perto do comércio,  passou dois caras de moto com capacete e camisa preta e começaram a atirar, deram 3 tiros, um correu pra um lado e a vítima  correu pro beco, em seguida os bandidos entraram e  foi ouvido mais dois tiros.
O corpo do jovem se encontra no necrotério do hospital Hapa. 
Acredita-se que a motivação do crime tenha sido acerto de contas.Ainda não se sabe o paradeiro dos assassinos. A Polícia Militar investiga o caso.
Fonte - Naianne Rodrigues

Confusão em vaquejada termina com duas pessoas mortas em povoado de Esperantinópolis

Segundo informações, na noite deste sábado (26/11), uma confusão culminou com duas pessoas mortas no povoado Centro do Utensílio, município de Esperantinópolis.
Acontecia uma vaquejada tradicional do senhor ‘Peba’, quando, no decorrer da festa, um homem efetuou 06 disparos de arma de fogo, sendo que 01 vitimou um homem apelidado de 'Deba', que morreu ainda no local, outros 05 alvejaram um outro cidadão conhecido como 'Antônio Filho do Humberto'. Uma terceira vítima, uma mulher, foi atingida na orelha, mas sem risco de morte.
O homem atingido pelos 05 tiros foi levado em estado gravíssimo para o Hospital Geral de Urgência e Emergência de Peritoró, e havia passado por um delicado procedimento cirúrgico, porém as últimas informações é de que não teria resistido e vindo a óbito.
Toda a confusão teria ocorrido após a saída da polícia que estava fazendo a segurança da festa. O blog ainda não sabe as circunstâncias e nem o que motivou os disparos.
Centro do Utensílio fica próximo da Fortaleza Beira-Rio e de Bom Princípio.

Informações do Facebook Poção de Pedras/Blog do Fernando  Melo

Jovem é amarrado e morto com varias furadas de faca

O jovem Francisco Chaves da Silva (44) anos, foi encontrado nas primeiras horas da noite deste sábado (26/11), amarrado de corda com as mãos para trás e, morto com varias facadas pelo corpo, inclusive no pescoço. 
A população classificou o crime como um ato de crueldade e que lembrou muito, a brutalidade que foi praticada também com o cantor Wanderson.
De acordo com informações da policia o jovem teria envolvimento com drogas e, foi morto no setor Aeroporto nas proximidades da Vila São Pedro em Grajaú Maranhão. A polícia investiga a ação para tentar prender os envolvidos.
Parentes do rapaz que moram no bairro Mangueira, disseram que o mesmo não tem residência fixa. Os familiares estiveram no local do crime para recolhimento do corpo.
Fonte – De olho em Grajaú.